terça-feira, 29 de novembro de 2011

Até quando?


Tenho um defeito gravissímo.
Aquela minha mania de me apegar,
tão fácil as pessoas..
As vezes por um pequeno sorriso.. As vezes por um gesto nobre..
Um olhar, e até mesmo uma simples palavra.
O que mais dói nessa minha mania, é quando me apego em alguém,
pelo simples fato, deste me trazer de volta uma lembrança do passado;
algo que já está mais que enterrado, Mas, que eu insisto em trazer de volta prá minha realidade.
E junto trás, tristeza, dor, saudade e toda uma felicidade que tinha tudo para ser eterna. Mas, não foi.

Suba o primeiro degrau com fé. Você não tem que ver toda a escada. Você só precisa dar o primeiro passo.

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

Tenha fé!!

Ontem eu dormi com um pedacinho de felicidade no coração. lembrei da mamãe, que se estivesse viva hoje estaria muito orgulhosa e feliz. Pelo o rumo que seus filhos estão tomando. Eu ainda não me encontrei por completo, mas, tenho certeza que com as minhas pequenas atitudes a momi deve tá sorrinso em algum lugar do céu. Eu queria muito dar a ela tudo que ela não teve enquanto foi viva. Mamãe não conheceu e nem teve o pouco de conforto que todo ser humano é digno de ter. Ontem, de verdade, eu quis chorar. Quis, por que é bom demais você conquistar algo sem ter que depender de alguém. Até acende uma vela e agradeci a Deus por isso. E é claro, a todos de lá do céu que não me abandona nunca. Mas de verdade? Eu queria naquela época quando eu tinha só uns 10 anos de idade, ter sido grande o suficiente para dar uma alegria dessa a minha mãe. Mas aonde quer que ela esteja, certamente tá feliz.

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

tanananãaaam!

own! Tô blogando pelo celulaaaaaar, bom demais da conta sô!

Prá ser mudado.

Sabe, ás vezes a gente para prá pensar no tanto de burrada que cometemos quase o tempo todo. Então logo eu me pergunto: Como a gente pode ser tão idiota? Mas daí logo eu penso, Deus tá me dando uma oportunidade para eu tentar reverter a situação. Chorar pelo leite derramado, não vai mudar nada. O que pode mudar e fazer a diferença é a minha mudança.
Só minha e de mais ninguém! Bom dia genteeee'

domingo, 20 de novembro de 2011

De tardezinha..

Hoje tirei um cochilo bem de leve durante a tarde. E foi bom sabia? Bateu essa vontade, pois meus olhos estavam ardendo. Não sei se era de sono, ou de vontade de chorar.. Só sei que é sempre bom um cochilinho de vez e outra. O corpo agradece. :)

Querolargar!

As férias é algo que todo Ser Humano precisa, não só prá descansar fisicamente, e é claro, mentalmente, mas também, prá gente colocar certas coisas no lugar. Pensar no que tá errado e a gente pode concertar.
Pois as vezes o erro está em nós. Mas com a correria do dia e o estress, a gente usa isso como desculpa, e acaba deixando de lado.
Eu sinceramente, tô pensando muito em largar meu serviço.
O comércio tá acabando comigo, e eu ando muito sem paciência com as pessoas. Talvez por que é muito puchado. Exige demais da gente. E os outros não estão nem ai, pro seus "problemas". Só eles é quem tem. Você, não passa de um ninguém.
Eu simplesmente, tô cansada de tanta falta de educação; tanta grosseiria que o Ser Humano comete, e não tem a humildade de se redimir, e reconhecer tal erro. Mas aí eu também lembro, das pessoas maravilhosas que eu conheci, que pararam por minutos para me ouvir, que me deram um sorriso, um abraço, um carinho, sem pedir nada em troca. Pessoas que passam por ali, e a gente nem sabe se vai voltar no dia seguinte. Pessoas que quando eu não estou, perguntam: o que houve ela?
Aí dá uma dorzinha, e logo vem a pergunta: Será que vale a pena?


CHEGUEEEI ^!

Já voltei prá minha casa.
É sempre ruim a hora de voltar..
Mas eu sempre penso numa próxima vez prá estar lá de novo.
Daí, o coração se enche de alegria.



*---*

Perfã!

“ Como qualquer ser humano, sou uma mistura… do que quero ser; do que penso que sou; do que pensam que eu sou . Clarice Lispector



quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Tudo que eu smp quis..

TÔ querendo mudar um pouco o rumo da minha vida. Pois é! Mas como? Tô pensando muito em algo que estou querendo. Mas é algo que eu tenho que pensar, pensar e repensar até a cachola doer. Por que se eu entrar, não tem como sair. É algo que eu já deveria ter feito á muito tempo. Porque sou apaixonada.. mas me falta é coragem;) Sei que a minha vida vai mudar prá melhor. Até a minha avó, já disse, que isso pode ser muito bom prá mim. E eu nunca tive dúvidas disso. Tenho certeza que vai me ajudar muito na minha cabeça fraca, nos meus medos e principalmente nas minhas dúvidas. Que são muitas {...}
Só que esse passo que estou querendo dar na minha vida, tem que ser pensado de todas as formas.. e principalmente com o coração. Quero muito! E deus vai me ajudar se eu decidir que SIM!

Tõ voltando!

Sei lá sabia? queria ficar mais.. queria descansar mais.. curtir mais.. sorrir mais.. zuar mais.. enfim! Fazer tudo o que quando eu voltar, eu devo ficar um bom tempo sem fazer. Mais aí, eu penso na minha avó.
Que por ela da uma vontadêzinha de voltar. Meu avô tbm nem é tão mal assim.. O jeito é acostumar.


quarta-feira, 16 de novembro de 2011

..


Tô com um sentimento de culpa. Tô com uma saudadêzinha, que nem sei o quão cedo eu irei matar. (poxavida)

segunda-feira, 14 de novembro de 2011

" Meia noite em paris.."

"Talvez eu só preciso de férias, um porre e um novo amor."

Tô curtindo a alegria que todo ser humano sente, quando trabalha por um ano direto. E logo vem a tão esperada e merecida férias ;)
Já estou á uma semana, e agora tô curtindo uns dias de descanso na casa da minha tia. Tá sendo tão bom.. Tô me divertindo a bessa. E sentindo uma alegria que á tempos eu não sentia. Talvez por que tinha muito tempo que não vinha prá cá.. Cada segundo e minuto, é milhões de gargalhadas,gracinhas e palhaçadas que eu tô vivendo aqui. Férias é tudo de bom mesmo. Meu serviço é muito extressante.Mas qual serviço não é,né.. Mas msm assim, quero descansar bastante e voltar renovada! Mais madura, mais confiante em mim mesma, e com decisões que certamente me trará mais felicidade. Que de verdade, eu não encontrei naquele lugar.