domingo, 8 de agosto de 2010

Saudades..


Já não sei se é saudade
Ou o costume de pensar em você
Todo momento bom me traz seu rosto
E é impossivel não perceber
O que sinto, não...
Eu vou levando, eu vou vivendo, eu vou sorrindo, eu vou chorando, eu vou te vendo
De longe, eu vou te olhando de longe
Só pra saber se vale a pena ficar por aqui ou se vou embora
Se eu vou embora
Eu tô indo embora...
Eu só queria saber por onde caminhar
E não ficar esperando alguém vir me buscar
Sentar em frente ao mar pra lembrar de alguém que há muito não se vê...
Que há muito não se vê...

Nenhum comentário:

Postar um comentário